Sobre mim – de mãe para mães

fotominicool

Ola! Eu sou a Susana, tenho 34 anos, a dias dos 35, que serão passados em Quarentena, como estamos desde o dia 12 de Março.

E estou “atrás” do projecto Minicool desde o primeiro momento, desde Dezembro de 2012, quando decidimos ficar com uma loja de bebé que já existia na nossa cidade.

Há algum tempo que acho que fazia todo o sentido que quem está do outro lado do ecrã me conhecesse e soubesse um pouco sobre mim. Acho que chegou o momento, um pouco motivada por estar a chegar o dia da mãe e porque pretendo criar uma nova rubrica no blog da Minicool onde irei apresentar algumas das Mães mais Cool que conheço e outras que sigo e admiro.

Estudei Design de Moda e Arquitectura, sou apaixonada por Artes, Design, Fotografia, Decoração e Arquitectura.

Sempre dei muita atenção à estética dos objectos e sempre quis tornar o espaço á minha volta mais bonito e confortável.

Tenho 2 filhas, a Matilde de 9 anos e a Benedita de 2 anos. A gravidez da Matilde correu super bem de uma forma super tranquila, o parto também, ela foi uma bebé espectacular, nunca me deu muitas noites sem dormir e era super fácil de cuidar dela. É uma miúda super inteligente, começou a dizer as primeiras palavras aos 10 meses e com 2 anos tinha conversas connosco.

Entrou na escola com 5 anos, pois faz anos em Dezembro, e já está no 4ºano.

Correu sempre tudo bem e é muito boa aluna.

A Benedita já não foi bem assim. O início da gravidez foi logo difícil, enjoei muitoooo mas muitoo mesmo, vomitava horas depois de ter comido e quando as coisas estavam a acalmar e a gravidez parecia que ia ser mais fácil, na eco morfológica das 20 semanas, descobrimos que ela tinha uma cardiopatia congénita, ou seja, uma má formação no coração.

Foi um choque. Queria desaparecer, tinha muito medo do que aí vinha, tinha muito medo que a Matilde perdesse a mãe que ela conhecia e do que a bebé pudesse sofrer e também do que nós iríamos sofrer.

Fomos super bem acompanhados desde o primeiro momento, por todos os médicos e enfermeiros que conhecemos e que nos acompanham desde o inicio. Só temos que agradecer imenso a todas as equipas, tanto no Hospital que acompanhou a gravidez, onde foi o parto e no Hospital de Santa Cruz onde ela é acompanhada ainda hoje, pois é um problema crónico, para além de que ainda aguarda cirurgia.

Estamos super agradecidos por todo o cuidado que o hospital e a Associação Coragem – Minicor fizeram por nós. Se tiverem curiosidade visitem a página da Associação e vejam o trabalho que eles desenvolvem.

Então, a cardiopatia dela é uma T.G.V. ou T.G.A.- transposição dos grandes vasos/artérias, C.I.V. uma comunicação intra ventrícular e uma Estenose pulmonar, o que quer isto dizer: que ela tem a artéria aorta trocado com a artéria pulmonar, uma abertura entre os ventrículos e a artéria pulmonar é mais estreita do que deveria.

Decidi falar disto abertamente, porque tal como eu, que devorei a internet quando descobri o problema dela, acredito que haja mães que façam o mesmo.

Ela já fez 1 cirurgia que correu super bem, mas ainda não fez a definitiva, esperamos que seja este ano, mas ainda não sabemos quando será.

Para além disso, a Benedita é uma força da natureza, como costumo dizer é um furacão, ela não pára, é super enérgica, apesar de ter a saturação de oxigénio no sangue muito mais baixa que o normal, cansa-se rapidamente, mas isso não a pára.

Adora pintar, brincar com a água e tem uma paixão louca pela irmã. O desenvolvimento dela tem sido normal, apesar de não falar tão bem como a Matilde, mas todas as crianças são diferentes. É super independente, só come sozinha e por incrível que pareça escolhe a maior parte das vezes a roupa dela. Ah e adora sapatos.

Por ela ser uma criança de risco, estamos mais resguardados que o normal e nem tão cedo ela voltará à creche.

Por isso temos inventado imensas formas de a entreter e quero em outros post partilhar convosco algumas ideias. Apesar de que ela brinca muito bem sozinha.

A nossa Quarentena tem sido uma animação, 2 adultos em tele trabalho, 1 criança em tele escola e 1 bebé que precisa de atenção. Mas felizmente tem corrido bem e claro que dá-nos a hipótese de acompanhar as nossas filhas de perto como nunca teríamos oportunidade.

Como em todas as entrevistas que irei fazer, deixo-vos aqui os artigos que as minhas filhas mais gostam da Minicool.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on print
Print

Deixe uma resposta

Close Menu